O discurso


em Primeiro Plano por

Qual será o discurso que o seu candidato deve ter para que você vote nele? Eu tive a oportunidade de ouvir o pré-candidato Mauro Mariani esta semana e o discurso dele, me convenceu que não adianta sonharmos com promessas impossíveis. Ele destacou no que disse, que Santa Catarina precisa de muito mais atenção de quem a governa para que possamos realmente nos transformarmos em um estado de primeiro mundo. Sim, temos bons índices se comparados a outros estados, mas estes índices são puxados para cima apenas pelo que é responsabilidade dos municípios. Quando falamos nas responsabilidades do estado, viramos um estado medíocre. E ao falar isso Mauro Mariani completou que não podemos mais deixar o estado e o funcionalismo público servir apenas aos seus interesses. O estado e o funcionalismo devem primeiro servir à população e então serem remunerados adequadamente.

O DISCURSO 2
No mesmo discurso Mauro usou um exemplo sobre os hospitais públicos de SC, que estão todos praticamente concentrados no litoral. Em uma auditoria interna foi descoberto que eles gastaram mais de R$ 700 milhões sem resultados. Isto é, os hospitais privados e filantrópicos, que são mais de 170 no estado, produzem muito mais com muito menos. E tem candidato que ainda tem coragem de enganar a população dizendo que o público é melhor. Se tivéssemos a opção de escolher entre pagar particular tudo…. e pagar os impostos e receber tudo de graça, podem ter certeza de que pagando diretamente para a iniciativa privada custaria menos.

COBALCHINI
O deputado estadual Valdir Cobalchini, passou rapidamente ontem por Porto União. Durante o encontro com algumas lideranças declarou que nesta eleição irá se dedicar o dobro, o triplo, para que o MDB de SC volte a governar o estado com Mauro Mariani. Cobalchini deve ser o candidato a deputado estadual mais votado em Porto União.

OI OLHA ISSO!!!
– Pessoal que administra o prédio da prefeitura de Porto União precisa fazer uma verificação no telhado daquele prédio. Andando pelo terminal urbano da para ver que ele está em más condições.
– As normas da ABNT não dizem para fazer o que está sendo cobrado no TAC firmado entre o MP e o Município de Porto União. Se é para fazer, então que façam bem feito.