• hussein-muculmanos.png

Sessão solene homenageia Sociedade Beneficente Muçulmana do Paraná


Contribuição dos árabes ao desenvolvimento do estado nas mais diversas áreas foi ressaltada

em Estado PR por

Proposta pelo deputado estadual Hussein Bakri (PSD), aconteceu no plenário da Assembleia Legislativa do Paraná, na noite desta terça-feira, 22, sessão solene comemorativa ao aniversário de 60 anos da Sociedade Beneficente Muçulmana do Paraná. Na oportunidade foram homenageadas com ‘menções honrosas’ 51 lideranças e personalidades que têm feito a diferença para o equilíbrio social, econômico, político e religioso dos paranaenses. Bakri ressaltou a importância do ato referindo-se à contribuição dos árabes ao desenvolvimento do estado nas mais diversas áreas.

Compuseram a Mesa diretora dos trabalhos, durante a solenidade, o 1º vice-presidente da Assembleia Legislativa, deputado Guto Silva (PSD); o diretor da Fomento Paraná, Omar Sabbag, representando o governador do Estado, Beto Richa; Kamel Mansur, representando  a diretoria da Sociedade Muçulmana do Paraná; Sayed Charif Sayed, autoridade religiosa no Líbano;  Amir Hachem, líder religioso da Mesquita de Curitiba; o presidente da Sociedade Beneficente Muçulmana do Estado do Paraná, Nizar Hachem; o pároco da Igreja Ortodoxa Antioquina São Jorge, Padre Samaan Nasri; além do já mencionado deputado Hussein Bakri.

 

História

Presidida inicialmente por Hussein Omairy, a Sociedade Beneficente Muçulmana do Paraná nasceu movida pelo sentimento de solidariedade e pelo desejo de compartilhar suas tradições, e assinalava já em sua ata de fundação, em 1957, entre outras finalidades, o compromisso de unir os muçulmanos brasileiros e seus descendentes, ajudando os necessitados; de fundar e administrar uma escola para ensino dos idiomas árabe e português, bem como a religião muçulmana; de construir e manter uma Mesquita em Curitiba; de valorizar e promover a arte e a cultura das origens; além de estabelecer pelo convívio social e fraternal a aproximação entre os sócios, especialmente aqueles oriundos dos países árabes e muçulmanos, como nações amigas que são.

No seu discurso, Hussein Bakri lembrou a história de seus pais, imigrantes libaneses que chegaram a União da Vitória, cidade em que o deputado nasceu. “Não sei se meu pai jogou uma flecha no mapa e escolheu a cidade, mas dizia ele que meus tios e a família escolheram União da Vitória para morar” e destacou a importância da Colônia Árabe no Estado do Paraná “O Paraná nos acolheu e hoje nossos irmãos Árabes podem contribuir com o progresso, seja no comércio, nas profissões, religião ou cultura” e finaliza falando sobre a homenagem “Esta casa de leis, casa do povo do Paraná está de braços abertos para vocês e essa homenagem significa um muito obrigado, por tudo que vocês fizeram pelo nosso estado” diz.

Deixe uma resposta

Your email address will not be published.

*

Vá para o Topo