• IMG_9596.jpg
  • IMG_9611.jpg

Vereadores participam de inauguração da Casa de Apoio Amor Fraterno


A inauguração aconteceu na tarde deste sábado em Porto União

em Porto União e União da Vitória por

Foi realizado na tarde deste sábado, às 15 horas, a inauguração da sede da Casa de Apoio Amor Fraterno em Porto União. A cerimônia foi prestigiada pelos vereadores de Porto União. O vice-presidente da casa, Elio Weber (MDB) representou o presidente do legislativo Christian Martins (MDB). Além de Weber, participaram da cerimônia os vereadores Luiz Alberto Pasqualin (PP); Jacir Barth (PSDB); Paulo Kovalski (PSDB) e a vereadora Salime Farah (PSDB).

A entidade tem como objetivo promover o apoio e a assistência social a pessoas em tratamento de saúde de qualquer idade, com foco na pessoa com câncer, visto que os pacientes atendidos pela Casa de Apoio residem em Municípios mais distantes apresentando a necessidade de permanecer em Porto União para a realização do tratamento de saúde. A Casa oferece serviços de hospedagem e alimentação ao paciente e um acompanhante.

A obra foi realizada toda com doações da comunidade e com a arrecadação do bazar realizado pela instituição.

“É um sonho da região toda realizado. Um momento gratificante e a realização de um grupo de voluntários que se propuseram em fazer um trabalho em prol das pessoas. Foi um momento de muita emoção aos voluntários e de muita alegria. Isso é a prova, que quando as pessoas fazem as coisas com amor e do coração elas acontecem”, disse Weber.

A Presidente da Casa de Apoio Amor Fraterno, Laurete Dub Pinto Conte, falou sobre o trabalho realizado. “Hoje é dia de festa para todos nós, para todos os voluntários que trabalharam por tantos esses anos para que alcançássemos o nosso objetivo e conseguir inaugurar essa casa que vai atender tantas pessoas que precisam e que estão em tratamento de saúde. Essa foi só mais uma etapa cumprida, o nosso trabalho mais do que nunca vai ter que se intensificar, pois temos um andar inteiro ainda para mobiliar e temos que continuar a manter a estrutura”, explicou ela.

O bazar continua funcionando na Rua Frei Rogério, nº 140, Centro, Porto União, aberto de segunda a sexta-feira das 13h30 às 17h e sábados das 09h as 12h.

A instituição fez uma homenagem ao voluntário Adelio Z. Rzewuski, dando o nome dele a um Espaço na Casa de Apoio.

 

A Associação Família Zalewski – Casa de Apoio Amor Fraterno, uma associação beneficente de caráter assistencial, sem fins lucrativos, fundada em 2008.

A entidade tem como objetivo promover o apoio e a assistência social a pessoas em tratamento de saúde de qualquer idade, com foco na pessoa com câncer, visto que os pacientes atendidos pela Casa de Apoio residem em Municípios mais distantes apresentando a necessidade de permanecer em Porto União para a realização do tratamento de saúde.

Oferece serviços de hospedagem e alimentação ao paciente e um acompanhante.  Ainda oficina de artesanato, grupo de reflexão, atendimento social e psicológico e desenvolve campanhas de prevenção e orientação para qualidade de vida.  Atende a Região do Planalto Norte Catarinense e Sul do Paraná, perfazendo um total de 21 municípios.

Atualmente a Instituição está construindo a sua sede própria, portando até o momento os atendimentos estão sendo realizados em parceria com o Albergue Noturno Onofre Brittes, a Casa de Apoio encaminha ao Albergue material de consumo e permanente, suprindo toda e qualquer necessidade apresentada pelo paciente e acompanhante.

 

Bazar

Para manutenção da Associação, a Casa de Apoio Amor Fraterno possui o Bazar Beneficente mantenedor, que tem como objetivo arrecadar recursos financeiros para investir no termino da construção do abrigo onde serão realizados os atendimentos para as pessoas em tratamento de saúde e acompanhantes.

Se você também quer ajudar aceitamos doações de roupas, móveis, utensílios domésticos ou outros objetos. Para isso, basta entrar em contato através do telefone (42) 3522-0322, ou entregar sua doação em nossa sede. Todas as doações recebidas pela Casa de Apoio são destinadas para nosso bazar e o dinheiro é então revertido para a obra.