Serra Dona Francisca em pauta de reunião com deputado Mauro Mariani


Associação empresarial esteve reunido com deputado para discutir melhorias na via

em Estado SC por

Na semana passada, o presidente da Associação Empresarial (Acisbs), Jonathan Roger Linzmeyer, recebeu a visita do deputado federal Mauro Mariani. Na pauta, a campanha que pede a revitalização da Serra Dona Francisca – SC 418. Linzmeyer apresentou os números de acidentes e vítimas, além das ações já realizadas até aqui. “Não vamos parar a campanha até conseguir a revitalização. Sabemos da imprudência dos motoristas, mas a rodovia há anos não recebe obras de infraestrutura” ressaltou.

Mauro falou da importância da criação de um fundo estadual para manutenção das rodovias. “A malha viária catarinense é muito extensa. Se não há nenhuma fonte de recursos para a manutenção das rodovias é complicado obter orçamento” destacou. O deputado sugeriu que a questão do fundo seja pauta de discussão da classe empresarial. “O ideal é de R$ 100 a R$ 150 milhões nesse fundo. E o governo tem sim, condições de criar”. Segundo ele, os recursos do fundo devem ser para roçadas, operações tapa buracos e melhorias na sinalização.

O presidente da Acisbs reforçou a necessidade do retorno da iluminação no trecho, melhoria apontada pelo governo do estado como sem previsão. “O secretário de infraestrutura Paulo França, em agenda na região, nos informou que o custo é de R$ 400 mil e que não há caixa”. Mariani disse que tentará recursos via Ministério do Turismo, mas que antes, vai conversar com França para saber do projeto, se existe ou não.

Também trataram da situação do Posto 4 da Polícia Rodoviária Estadual, em Campo Alegre. A Campanha tem abraçado a causa, buscando a doação dos materiais deficitários da unidade. “Estão com problemas nas viaturas, baixo efetivo e fora a falta de materiais para atender os acidentes” contou. Mauro disse que fará contato com o comandante do Comando de Policiamento Militar Rodoviário (CPRM), José Norberto de Souza Filho.

Jonathan finalizou falando da importância das ações do governo, que manutenção não é investimento. “Nosso pedido é que a rodovia receba uma atenção especial. Além da questão preocupante dos acidentes, é o portal do Planalto Norte e principal via de escoamento da produção industrial.

Acidentes na Serra – segundo informações atualizadas pela Polícia Rodoviária, até 28 de junho, são 8 mortes registradas no trecho, 98 feridos e 207 acidentes. O relatório não traz o número de mortes registradas pós-acidentes, o que indica que os números são maiores dos que os registrados pela unidade policial.

Deixe uma resposta

Your email address will not be published.

*