• vereadores-ciclofaixa.jpg

Reunião discute implantação de ciclofaixa na avenida Manoel Ribas


Projeto da Administração Municipal sugere criação de ciclofaixa em partes da avenida central

em Porto União e União da Vitória por

Foi realizada na manhã de terça-feira, 27, às 11h, no plenário da Câmara Municipal de União da Vitória, uma reunião entre comerciantes, vereadores e o secretário de Planejamento, Clodoaldo Cleverson Goetz. Na pauta, a implantação de ciclofaixa na avenida Manoel Ribas. Parlamentares convocaram reunião a pedido dos próprios comerciantes, contrários a essa medida.

A comerciante Adriana Apostolopoulou, foi quem reuniu a classe. Segundo ela, o intuito dessa reunião foi o de fazer a Prefeitura ouvir os principais interessados no projeto, os comerciantes.

Comerciantes totalmente contra

“Somos os principais afetados com essa mudança na Manoel Ribas, caso aconteça. Nós comerciantes, estivemos ontem (segunda-feira, 26), aqui ao final da sessão, para pedir aos nossos vereadores que marcassem essa reunião com a Prefeitura, pois somos totalmente contra e queríamos expôr nossas opiniões aos devidos responsáveis”, explica.

Adriana relata que uma ciclofaixa na avenida faria o movimento do comércio diminuir, e por consequência, acarretaria em prejuízos aos comerciantes, entre outros problemas.

Da Ponte do Arco até a Salgado Filho

Na explanação, Goetz deixou claro que no projeto inicial da Prefeitura, a ciclofaixa seria implantada desde a saída da ponte do Arco até a rua Salgado Filho, e em nenhum momento foi dito ou projetada ciclofaixa em toda a Manoel Ribas, como até mesmo os comerciantes assim pensavam.

“Muito se falou em ciclofaixa em toda a Manoel Ribas, porém, em nosso projeto inicial, consta apenas a implantação desde a ponte do Arco até a Salgado Filho. Nesse contexto, a Prefeitura fez uma pesquisa em sua rede social, com a abordagem dessa possibilidade, ciclofaixa em toda extensão da avenida, porém, foi apenas uma breve consulta, nada definitivo ou projetado”, esclarece.

O secretário relata que há uma Lei Municipal que diz que o Município deve implantar ciclofaixas na área central, e que é a favor da ciclofaixa na avenida. Mas, a partir da retificação dos comerciantes, o projeto será levado até o prefeito Santin Roveda e uma audiência pública poderá ser realizada. Garantiu também que, por enquanto, nenhuma atividade será feita pela Prefeitura na Manoel Ribas e que na semana que vem, novas informações referentes ao projeto serão colocadas à disposição da população e, é claro, aos interessados.

A reunião teve a participação de aproximadamente 20 comerciantes e da Polícia Militar. Os vereadores Joarez Tica (PSB), Ricardo Sass (PSC), Gilmar Pogogelski (PV), Cesar Empinotti (PR), Valdecir Ratko (PSC) e Alandra Roveda (PR) foram os parlamentares que acompanharam a discussão.

Vá para o Topo