Prefeitura de Cruz Machado emite nota sobre morte de paciente em veículo


Final de semana um paciente que fazia tratamento fora da cidade, acabou falecendo dentro de veículo

em Região por

Na noite de sexta-feira, 09, ao retornar de um tratamento em Curitiba, um paciente que estava em um veículo da Prefeitura de Cruz Machado acabou falecendo no trajeto de volta a cidade.

O fato ocorreu próximo a cidade de São Mateus do Sul, quando os outros passageiros perceberam que um dos pacientes, não desceu para fazer um lanche, momento que foi verificado que ele havia entrado em óbito.

A nota informa “ (…) que o acompanhante de Evaldo Kischner, notou que o mesmo demorou a descer e ao verificar o que teria acontecido constatou que o mesmo já estava em óbito. Evaldo lutava contra um câncer e semanalmente fazia tratamento de quimioterapia em Curitiba”.

A nota continua ainda esclarecendo alguns fatos que foram comentados em redes sociais e em alguns meios de comunicação. “Foi divulgado em redes sociais e meios de comunicação que o paciente citado teria recebido alta de um hospital e que lhe foi negado transporte especial. Esta informação não procede e segundo o Secretário dos Transportes, senhor Carlos Diego Train, responsável pelo transporte na Saúde, todos os pacientes em tratamento de quimioterapia e radioterapia sempre tem atendimento preferencial, e que no caso do paciente Evaldo Kischner, o mesmo pediu para ir a Curitiba no micro-ônibus por sentir-se mais à vontade com os demais passageiros”, diz a nota.

Deixe uma resposta

Your email address will not be published.

*