Anúncio São Camilo 1075x140px
  • balsa.jpg

Marinha do Brasil fiscaliza embarcações de transporte de carga e passageiros em Cruz Machado


A balsa “Rio da Areia” fazia a ligação de Cruz Machado com a cidade de Pinhão pelo Rio da Areia

em PR Sul por

A Capitania Fluvial do Rio Paraná (CFRP), ao realizar ações de fiscalização do tráfego aquaviário com fulcro na Lei nº 9.537/1997, lacrou, no dia 10de novembro de 2017, três balsas de travessia nos rios Da Areia e Iguaçu, todas no município de Cruz Machado, cidade distante cerca de 590 km de Foz do Iguaçu, sede da CFRP.

As balsas “Rio da Areia”, “Foz do Areia” e “Palmeirinha” foram impedidas de operar por questões de segurança da navegação e faziam, a ligação de Cruz Machado com as cidades de Pinhão (Rio da Areia) e Bituruna (Foz do Areia e Palmeirinha).

As três embarcações apresentaram problemas semelhantes e que motivaram o lacre para a suspensão das travessias: falta de coletes salva-vidas, embarcação de sobrevivência em falta, sem luzes de navegação e certificado de Segurança da Navegação vencido. Para voltar a operar, os proprietários das embarcações devem sanar as irregularidades constatadas junto à CFRP. A Inspeção Naval da Marinha do Brasil tem como principais propósitos zelar pela segurança da navegação, salvaguardar a vida humana, e evitar a poluição das águas jurisdicionais brasileiras.

A CFRP incentiva que os usuários das embarcações de transporte de passageiros e carga apoiem a fiscalização como um ato de cidadania, a fim de contribuir, em caráter permanente, para a segurança da navegação.  Neste sentido, as suspeitas de irregularidades devem ser comunicadas à Capitania Fluvial do Rio Paraná pelo telefone (45) 3523-2332 ou pelo e-mail [email protected]

Deixe uma resposta

Your email address will not be published.

*

Vá para o Topo