Governo anuncia R$ 323 milhões para saúde dos 399 municípios


União da Vitória recebeu mais de R$ 1.300 milhão

em Estado PR por

A governadora Cida Borghetti anunciou nesta segunda-feira, 25, em Curitiba, o repasse de R$ 323 milhões em ações para a saúde nas 399 cidades paranaense. As ações incluem o aumento de repasses para a atenção primária dos municípios; construção, ampliação, reformas e aquisição de equipamentos para unidades de saúde; incentivo para a compra de equipamentos para o programa Mãe Paranaense; entrega de ambulâncias e veículos para o transporte sanitário e novos convênios com os hospitais municipais, particulares e filantrópicos.

Segundo informou o Prefeito Santin Roveda, União da Vitória recebeu 870 mil reais repassados ao Hospital Regional para quatro leitos de UTI que serão adicionados para melhor atender a população, 450 mil para a compra de veículos para transporte de pacientes e mais 15 mil para saúde bucal. “Muito importante para o nosso município e para a nossa região. Foi um trabalho dos deputados estaduais Ribas Carli e Alexandre Curi que auxiliaram nessa liberação. São investimentos para a nossa população. Quero agradecer a governadora pela liberação desses recursos”, explica Roveda. O prefeito foi acompanhado do chefe da Secretaria Regional de Saúde em União da Vitória, Ary Carneiro Junior.

Cida afirmou que os investimentos na área da saúde impactam na qualidade de vida de toda a população paranaense. “Investir em prevenção e na atenção primária é a maneira mais rápida e prática de salvar vidas. Por isso o Estado investe na regionalização da saúde, firmando convênios diretamente com os municípios”, afirmou a governadora.

“Não importa o tamanho da cidade, o Governo do Estado está presente nos 399 municípios do Paraná com ações que melhoram a vida das pessoas. Precisamos olhar e estender a mão do Estado para aqueles municípios que mais precisam de apoio para se desenvolver, e é isso que estamos fazendo”, disse Cida.

A atenção básica de saúde teve destaque nos anúncios da governadora, que autorizou o reajuste de 35% no Incentivo Estadual da Atenção Primária. Com isso, os repasses do Estado a 391 municípios vão aumentar, a partir de julho, de R$ 33 milhões para R$ 52 milhões por ano.

O secretário estadual da Saúde, Antônio Carlos Nardi, disse que a área é a que mais precisa de investimento, e que o Estado apoia os municípios de pequeno, médio e grande porte. “A atenção básica é o ponto em que as prefeituras precisam investir para melhorar a resolutividade da rede de atenção”, disse. “Os repasses que fazemos hoje vai impactar na saúde da população dos 399 municípios do Estado”, afirmou.

Os recursos, que fazem parte do programa de Qualificação da Atenção Primária à Saúde (Apsus), são repassados diretamente na conta das prefeituras e são utilizados para despesas de custeio das unidades de saúde, como a compra de materiais e insumos, e outras ações de atenção primária.

Os valores repassados pelo Estado variam de R$ 4.050,00 a R$ 30.375,00 por município. O valor mensal é definido de acordo com o Fator de Redução de Desigualdades Regionais, que leva em conta fatores como PIB per capita, População com Plano de Saúde, População em Extrema Pobreza, Grau de Urbanização, Índice Ipardes de Desempenho Municipal, além do número de Equipes de Saúde da Família e Equipes de Saúde Bucal.

A governadora também anunciou o repasse de R$ 17,4 milhões para construções, ampliações e reformas em unidades de saúde de 67 municípios. Deste total, 12,3 milhões são para ampliações e novas construções, com valores de R$ 90 mil a R$ 1,3 milhão. Outros R$ 4,8 milhões são para reformas, com repasses que variam de R$ 70 mil a 150 mil.

Também serão destinados R$ 12,3 milhões a 62 municípios para a aquisição de equipamentos para as unidades de saúde. Cada prefeitura vai receber uma cota de R$ 115 mil para adquirir uma série de equipamentos e mobiliários.

São cerca de 120 itens, desde materiais médicos – como estetoscópios, termômetros, medidores de pressão – até macas, armários, equipamentos de informática, mesas clínicas e equipamentos para consultório odontológico.

Deixe uma resposta

Your email address will not be published.

*

Vá para o Topo