• f24-04-18LIVRO-GABRIEL.jpg

Gabriel Metzler lança “Um Novo Olhar para a Vida” hoje


Sessão de autógrafos acontece a partir das 19h, no Auditório da Secretaria Municipal de Educação de Porto União

em Porto União e União da Vitória por

“Um Novo Olhar Para a Vida” é o título do livro selado pela prestigiada Literare Books, que o palestrante Gabriel Metzler lançará hoje, 24, a partir das 19h, no Auditório da Secretaria Municipal de Educação de Porto União. Até às 21h30, o autor estará no local para a sessão de autógrafos, um bate-papo e um abraço nos leitores. O ingresso é livre – saiba mais em http://gabrielmetzler.com/

Em 1998, Gabriel perdeu totalmente a visão do olho direito e parcial do esquerdo, depois de grave acidente com explosivos. Em 2015, perdeu também a visão do olho esquerdo e a despeito disso, a obra é uma chance para que qualquer pessoa, cega ou não, passe a enxergar a vida através de um novo olhar.

A deficiência não tirou de Gabriel a vontade de viver. Pelo contrário. Seu canal no YouTube é um sucesso. Tem vários seguidores e quase 100 vídeos postados, um a cada quinta-feira.

Gabriel é também sucesso em outras mídias. Recentemente, uma postagem sua, intitulada “Seja meus Olhos” foi compartilhada por Ricardo Amorim em suas redes sociais. O número de visualizações chegou a mais de cinquenta mil. No vídeo, Gabriel faz menção ao aplicativo “Be My Eyes”, desenvolvido pelo dinamarquês Hans Jørgen Wilberg.

Além de antenado nas redes sociais, Gabriel ministra palestras em empresas para um extenso portfólio de clientes. Com os vídeos e as palestras, procura ajudar pessoas e empresas a superar dificuldades.

O livro “Um Novo Olhar Para a Vida” é a extração das melhores lições de tudo o que Gabriel já vivenciou. “Quero, com a obra, oferecer uma vida melhor para o leitor, ensiná-lo a vivenciar coisas novas com um novo olhar.

O prefácio do livro é assinado pelo aclamado mestre e Doutor em Educação José Luiz Tejon, administrador com ênfase em Marketing pela Pace University (EUA) e MIT University (EUA). Para ele, Gabriel “nos contempla com poderosas janelas de visões, acima e além dos sentidos” Destaca ainda que “a alma enxerga, escuta, sente, pensa e dialoga conosco… nos eleva a um patamar de comunicação superior ao das dimensões física, química e material do planeta”.

Tejon finaliza afirmando que, “quem quiser entrar em contato e auscultar a legítima comunicação, terá nos 36 olhares apresentados por Gabriel, lupas, telescópios e microscópios poderosos, úteis para tudo na vida”.

Gabriel é engenheiro civil, MBA Internacional na Fundação Getúlio Vargas e The George Washington University (Washington, EUA) e curso em Harvard. E desde março, passou a fazer parte do rol de autores brasileiros que se destacam por um conteúdo forte, vibrante e transformacional.

O jornal O Iguassú conversou um pouco com Gabriel por email sobre o livro, acompanhe:

 

Jornal O Iguassú: Como surgiu a ideia de escrever o livro?

Gabriel Metzler: Essa era uma ideia antiga, e eu até havia iniciado a escrita alguns anos atrás. Com as demandas do trabalho e outras atividades acabei deixando esse projeto em segundo plano. Porém em meados de 2016 essa ideia voltou a mente e tive oportunidade de conhecer pessoas que trabalham com livros e elas me incentivaram e retomar o projeto. Em fevereiro de 2017 iniciei as conversas com a Editora e com um Consultor Literário para auxiliar no processo de escrita do livro.

JI: Como foi esse processo de produção?

GM: O processo foi trabalhoso e ao mesmo tempo muito gratificante. Foi um grande investimento de tempo e energia para chegar a um conteúdo transformador para o leitor. Eu já tinha escrito a história do acidente e como foram os primeiros anos após a explosão, e com os conteúdos apresentados nas palestras, treinamentos, vídeos do Youtube os textos do Blog, além de muitos materiais que eu estudo, conceitos e reflexões oriundas desse aprendizado. Com o apoio do parceiro Edílson Menezes, todo esse conteúdo foi saindo da cabeça e se transformando em parágrafos, páginas, Olhares e enfim, depois de muito trabalho, no final do ano concluímos o texto e enviamos para a Editora. Eu mencionei Olhares porque o livro, ao invés de Capítulos, é dividido em Olhares, e cada um traz um conteúdo para o leitor.

 

JI: O que você quer passar aos leitores com o livro?

GM: A ideia central da obra é trazer, assim como o título, Um Novo Olhar Para a Vida. O leitor, após passar por cada Olhar terá a oportunidade de aplicar de forma rápida e prática na sua vida ensinamentos, ideias, reflexões que o auxiliarão no seu Desenvolvimento Pessoal. Passando por questões pessoais e profissionais, o leitor terá a sua disposição temas como comunicação, preparação, atitudes, autoconhecimento dentre tantos outros. São 36 Olhares quem formam a obra. O livro é muito mais que uma biografia. Até conto algumas histórias da minha vida, mas elas servem para ilustrar o conteúdo apresentado. Por opção, a história do acidente ficou para o último Olhar, o que reforça a ideia da preocupação com o desenvolvimento do leitor.