Curso de Análise Sensorial de Vinhos e Espumantes ganha segunda edição no IFSC de Canoinhas


O curso terá início na primeira quinzena de julho no Campus

em Região por

Com 171 inscritos para 15 vagas, o curso de Análise Sensorial de Vinhos e Espumantes, realizado no dia 18 de maio, entrou para a lista dos mais concorridos do Campus Canoinhas e já garantiu uma segunda edição, no próximo dia 11. As inscrições estão abertas e devem ser feitas até 4 de julho, pela internet, no Sistema Integrado de Gestão de Atividades Acadêmicas (Sigaa). Podem participar alunos e servidores do IFSC e membros da comunidade externa, com mais de 18 anos. São 15 vagas disponíveis e a seleção será por sorteio.

O curso terá oito horas de duração, das 8h às 12h e das 13h30 às 17h30, e vai abordar os seguintes temas: o que é vinho, a arte de servir, aspectos básicos relacionados à enogastronomia e análise visual, olfativa e gustativa. Na parte prática, serão degustados diferentes estilos de vinhos e espumantes.

O objetivo, segundo o coordenador do curso e sommelier, Douglas André Wurz, é “identificar uma série de características do vinho, propiciando aos participantes o conhecimento necessário para avaliar a cor, os aromas e o gosto do vinho”. Ao tornar a degustação descomplicada e prazerosa, a intenção é democratizar e popularizar o consumo regular e moderado de vinhos.

Neste sentido, professor Douglas explica que foi elaborada uma pré-agenda com um curso por mês durante este ano, de análise sensorial, serviço do vinho, enografia e introdução ao mundo dos espumantes. “É um conjunto de ações que tem como objetivo divulgar a cultura do vinho, relacionando a importância do consumo regular e moderado para a saúde humana, além de capacitar os participantes sobre as técnicas de degustação”, conta.

O primeiro curso, realizado em maio, superou as expectativas do organizador. “Tivemos o retorno de muitos participantes elogiando o formato e a didática do curso e já demonstrando interesse em mais cursos na área de vinhos. Foi um dia de muito aprendizado, conhecimento e troca de experiências entre os participantes”, avalia.

Outro curso já realizado na área foi o de Aperfeiçoamento no Serviço do Vinho, no dia 28 de maio, também com bastante procura. Destinado especialmente a profissionais da área de gastronomia e bebidas, o curso abordou temas como armazenamento, temperatura correta e escolha das taças, entre outros.

Já no mês de julho, começa o curso de qualificação profissional em Produção de Uva e Vinhos, com carga horária de 60 horas e aulas semanais até dezembro, para os candidatos já selecionados. As inscrições terminaram no dia 3. Durante o curso, os alunos vão conhecer as uvas com potencial de cultivo no Planalto Norte e aprender sobre poda, sistemas de condução e principais doenças da videira. Na parte de produção de vinho, serão elaborados vinhos brancos, rosés e tintos e espumantes.

Deixe uma resposta

Your email address will not be published.

*