• 40ª-REUNIÃO-DA-CÂMARA.jpg

Contrato entre Porto União e Sanepar é aprovada na Câmara


O projeto precisava passar pelo legislativo antes para que o município e empresa do Paraná possam assinar convênio

em Porto União e União da Vitória por

A Sessão extraordinária da Câmara de Vereadores de Porto União realizada nesta terça-feira, 12, foi marcada pela aprovação do legislativo do convênio entre a Companhia de Saneamento do Paraná (Sanepar) e a Prefeitura de Porto União.

Depois de mais de 12 anos trabalhando sem contrato, a Sanepar, vai ter seu contrato de prestação de serviços renovado com o município de Porto União. A Câmara aprovou por unanimidade, em discussão única, o projeto de lei, que autoriza o poder executivo municipal a estabelecer com o Governo do Paraná através da Sanepar, gestão associada para prestação, planejamento, regulação e fiscalização dos serviços de abastecimento de água e esgotamento sanitário no município, pelo prazo de 30 anos.

Depois de muitas reuniões com dirigentes da Sanepar, e com o prefeito Eliseu Mibach (PSDB), onde o projeto foi ajustado, ele recebeu parecer favorável das comissões de Constituição, Justiça e Redação Final, presidida pelo vereador Elio Weber (PMDB),  e Comissão de Finanças, Orçamento e Patrimônio, presidida pelo vereador Carlos Roderlei Pinto – Polaco do Bifão – (PR).

Com a renovação do contrato, a Sanepar vai poder realizar novos investimentos, na captação e tratamento da água, e no sistema de esgotamento sanitário. Agora, o projeto de lei, segue para sanção do prefeito.

“Isso foi uma vitória, porque esse projeto estava se arrastando por anos. Com a nova legislatura assumindo esse ano, focamos nesse projeto, pois Porto União já perdeu mais de 40 milhões de reais em investimentos desde que ficou sem contrato”, falou o Presidente do Legislativo, Luiz Alberto Pasqualin (PP).

Antes na 40ª reunião ordinária, o comandante da Polícia Militar de Porto União, Major Silvano Sasinski, apresentou relatório sobre as atividades desenvolvidas pela Polícia Militar, no ano de 2017. No final de sua explanação, o comandante da corporação militar, foi elogiado por todos os vereadores, pela sua atuação à frente da companhia.

Deixe uma resposta

Your email address will not be published.

*

Vá para o Topo