• Cohapar-fiscaliza-reforma-de-escola-em-Cruz-Machado.jpg

Cohapar fiscaliza reforma de escola em Cruz Machado


Reparos são realizados no Colégio Estadual do Campo Helena Kolody

em Estado PR por

A Companhia de Habitação do Paraná (Cohapar) em uma ação conjunta com Paraná Edificações e a Paraná Educação estão fiscalizando, atualmente, 327 obras do projeto Escola 1000, idealizado pela Secretaria de Estado da Educação, Fundepar e Casa Civil. O objetivo do programa é promover melhorias em 1000 escolas do Estado, melhorar a estrutura dos colégios, de acordo com as definições e escolhas dos serviços pela comunidade, em todas as regiões do Estado.

Em União da Vitoria, o coordenador regional da Cohapar, Julio Adilson Pires, acompanhou o Engenheiro da empresa, José Antonio Assis, na fiscalização da obra de Reparos no Colégio Estadual do Campo Helena Kolody no Município de Cruz Machado, região sul do Estado.

Segundo o coordenador, o projeto demonstra o comprometimento da gestão estadual com o setor educacional no Estado. “É mais um desafio para a Cohapar, a fiscalização das escolas em reforma, mas o importante é podermos colaborar com a melhoria da educação paranaense”, afirma.

 

Ações na região

De acordo com Pires, esta obra começou no início do mês agosto, com previsão de conclusão em 90 dias. Ele explica que a empresa já recebeu, até agora, mais de 330 solicitações para fiscalização de obras em diversas localidades no Paraná. “Além de Cruz Machado ainda existem projetos em andamento para escolas de Bituruna (Escola C.E. do Campo Santa Izabel), Mallet (Colégio Estadual do Campo Adão Sobcnski), Paulo Frontin (Colégio Estadual do Campo Professor Francisco Gawlouski) e União da Vitória (Colégio Estadual Astholfo Macedo, Colégio estadual Inocêncio Oliveira, Colégio Estadual Pedro Stelmachuk e Colégio Estadual Túlio de França”, conclui Pires

Também acompanharam a vistoria, a diretora do Colégio Helena Kolody, Adriana Niendicki e Nereu Verza, administrador da Construtora Verza ganhadora da licitação para os trabalhos de reforma da escola.

Deixe uma resposta

Your email address will not be published.

*

Vá para o Topo